Equipamento Cultural

Você está aqui: Home » Museu & Arquivo Histórico

Agenda Cultural

Museu & Arquivo Histórico

Como o próprio nome já diz a importância do Museu e Arquivo Histórico não está somente nas exposições, mas também na concentração de um extenso arquivo histórico da cidade de Presidente Prudente. Neste arquivo encontram-se documentos da cidade desde a época de sua fundação até os dias atuais.

A pesquisa sobre a História de Presidente Prudente, realizada pelo historiador Ronaldo Macedo, encontra-se disponível digitalizado em formato PDF para que a população tenha acesso sem nenhum custo.

O Museu e o Arquivo Histórico contam com sistemas de catalogação de seu acervo, digitalizando documentos com conteúdo histórico, jornais e revistas, discos, eletroeletrônicos, mapas e pergaminhos, bem como instrumentos de manufatura agrícola, equipamentos da época, como também, objetos pessoais de figuras ilustres do município.

História

A primeira iniciativa de criação de um museu na cidade foi tomada pelo então Prefeito Municipal, Dr. Domingos Leonardo Cerávolo, em 1944, como anexo à Biblioteca Municipal, atitude levada a efeito pelo Decreto-Lei nº 52 de 13 de dezembro daquele ano.

Coube ao Prefeito Antonio Sandoval Netto, pela Lei Municipal nº 420, a criação do Museu Municipal, como parte das comemorações ao quadragésimo aniversário da cidade em 12 de setembro de 1957.

Museu

Atualmente, o Museu ocupa uma área total de 3.176 metros quadrados, incluindo nesse total, três edificações, totalizando 380 m² de área construída, distribuídos num prédio central antigo, o Matadouro Municipal, tombado pelo Executivo Municipal em 1991, hoje local para a guarda e exposição de peças, equipamentos do acervo geral, para a informação da comunidade e estudantes que se utilizam do Museu como complemento didático em sua formação regular.

Após a instalação, foram construídos dois anexos ao prédio principal, um deles abrigando o acervo documental e instrumental do Dr. Domingos Leonardo Cerávolo e o arquivo fotográfico, discográfico e documental do Museu. O outro anexo abriga o setor administrativo, com área para cursos e oficinas. A área externa, formada por jardins e gramados, local para mostra de veículos antigos e estacionamento.

O Museu Histórico Municipal hoje

Após intervenção do então Prefeito Municipal Agripino de Oliveira Lima Filho, em dezembro de 2001, devido a irregularidades na eleição da Diretoria da Fundação Museu e Arquivo Histórico Municipal, esta foi extinta em março de 2002, passando o acervo e instalações da Fundação a fazerem parte do patrimônio da Prefeitura Municipal, sendo a Secretaria Municipal de Cultura sua administradora, por meio do Departamento de Preservação e Memória, criado no organograma da Secretaria para essa finalidade. O Museu e Arquivo Histórico Prefeito Antonio Sandoval Netto tornou-se um setor do Departamento de Preservação e Memória, passando por reformulação de objetivos, serviços e política de preservação da memória da cidade por projetos, oficinas, cursos, exposições, recuperação de documentos e peças de memória, registros por meio digital, além de ação educativa voltada para seu maior público, crianças e jovens.